Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 19/02/2018 16:41:36

O instrutor estimulou o controle das emoções e impulsos dos adolescentes e, com isso, fortalecer o vínculo do diálogo

 

O CASA Irapuru II investe na busca da paz e harmonia na convivência entre os adolescentes e após a medida socioeducativa. Há três anos, quinzenalmente, os jovens participam da oficina Direitos Humanos e Diversidade por meio da cultura de Paz. O profissional de educação física ministrou uma palestra sobre a importância do tema, seguido de uma atividade denominada de ‘centramento’.

No movimento buscou-se controlar as emoções e impulsos dos garotos e, com isso, fortalecer o vínculo do diálogo. Com o debate de ideias, o centro desenvolveu ações educativas que contribuíram para a reflexão e consequentemente adoção de atitudes favoráveis à tolerância, igualdade, solidariedade, compreensão de princípios e respeito pela democracia, respeito mútuo, convivendo com as diferenças, centrados em seus objetivos em busca da cidadania.

Após o término da atividade o instrutor trabalhou o texto – “Quem é Jorge?”, no intuito de abordar questões sobre preconceito. “Os participantes foram divididos em grupo, havendo participação e envolvimento de todos”, comentou a coordenadora pedagógica, Marcia Bandeira de Paula.