Por: Assessoria de Imprensa | Publicado em: 03/08/2020 12:03:55

Poesia Mulher (Queixinho) foi a mais votada pelos servidores da CASA

 

Com uma poesia enaltecendo as mulheres, o jovem Vitor (nome fictício), que cumpre medida socioeducativa no CASA Maestro Carlos Gomes, em Campinas, venceu o 1º Concurso de Poesia realizado entre os centros da Divisão Regional Metropolitana Campinas.  

O ganhador foi anunciado na última sexta-feira (31/07) durante o sarau de poesias online promovido pelo Itaú Cultural. Na ocasião, 10 adolescentes que participaram do concurso, acompanhavam o evento virtual.

Com o tema “Mulher”, a primeira edição do concurso envolveu 10 centros de atendimento pertencentes à divisão regional. O concurso foi aberto a votações para os servidores da instituição entre os dias 09 e 30 de julho por meio de um link de acesso compartilhado pela DRMC com todas as divisões regionais.

Neste segundo semestre, as equipes pedagógicas dos centros de atendimento desenvolveram oficinas para a escrita das poesias. No final, os adolescentes produziram poemas sobre o tema e cada centro de atendimento selecionou uma redação para concorrer no âmbito regional. As 10 melhores poesias ficaram disponíveis numa plataforma digital para serem votadas.

A ação contou com a participação dos adolescentes dos CASAs Campinas, Maestro Carlos Gomes, Andorinhas, Jequitibá, Limeira, Morro Azul, Laranjeiras, Mogi Mirim, Escola Rio Claro e Rio Piracicaba. O vencedor foi contemplado com um livro de poesia.

Confira o texto na integra.

Mulher

(Queixinho)

Mulher, tem que ser amada e respeitada,

Não agredida e maltratada

Século XXI, e as mulheres estão sofrendo;

Vírus devastando, e em casa homens batendo;

 

Negras, brancas, asiáticas...

Todas são fantásticas

Sem vocês não somos nada.

 

Na cozinha ou na aeronave

Mulheres são capazes

Não há limites para as mulheres

Elas vão onde quiserem

 

Mas mesmo nesta fase

Mulheres são a nossa base;

Capazes de chegar onde quiser

Capazes de lutar pelo Direito da Mulher.